Quarta-feira, 2 de Janeiro de 2008

Eleições EUA 2008


2008 é o ano em que acaba a era Bush! Graças a Deus termina a cruzada neo conservadora! Em 8 anos o mundo mudou, para pior, muito pior. Consequências de um neo imperialismo, de um neo conservadorismo , de um autismo vindo daquelas bandas.

Estamos finalmente em Janeiro! E digo finalmente porque estas são as eleições mais antecipadas de sempre nos EUA.
E os candidatos a candidatos andam nisto há bastante tempo. A garantir apoios, a garantir meios financeiros e a preparar toda a logística da loucura que é uma pré campanha seguindo-se-lhe uma campanha.

Mas porquê Janeiro? Porque em Janeiro em 4 primárias se definem os candidatos às eleições de 4 de Novembro de 2008.
Começa tudo nos caucus do estado do Iowa. E o que é um caucus? É uma referência à herança nativa dos EUA; é a reunião dos chefes de tribo em que são tomadas as decisões importantes. Nos tempos modernos traduzem-se em reuniões por todo o estado, em escolas, cafés, ginásios, etc. de grupos de pessoas que votam entre si quer em voto secreto ou de mão no ar no candidato do respectivo partido que desejam ver como nomeado a candidato. Seguem-se as outras primárias que culminam na Super Tuesday em que se votam nos 22 estados restantes. De referir que só a questão de se escolherem as datas das primárias já encerra em si uma grande dose de estratégia e uma grande luta entre os representantes locais dos partidos.

Há algum misticismo a envolver a primeira primária que tanto pode dar um gigantesco impulso a um desconhecido como aconteceu com o Presidente Carter, ou pulverizar um preferido como aconteceu com Howard Dean.

Lá mais para o fim do ano acontecem então as convenções que são os nossos equivalentes aos congressos. Vai tudo combinado. São eventos organizados e orquestrados ao minuto para consagrar o nomeado que em principio já se saberá muito antes. A não ser que haja um movimento de ultima hora que traga alguma emoção há muito não vista por essas bandas. O objectivo é então a consagração e a passagem da imagem da unificação de um partido e dos candidatos que até algum tempo atrás se matavam publicamente, e agora dois deles são companheiros de corrida presidencial.

O resto já sabem ;) Começam os ataques cerrados. A lavagem de roupa suja. Etc e tal.

Sobre os candidatos deixo os meus apontamentos pessoais:

Hillary Clinton (d) -> Todos lhe reconhecem experiência e sentido de estado, ninguém confia nela. É tida como distante, calculista e até há quem aposte que não tem coração:)
É a primeira mulher a candidatar-se e a provável candidata do Partido Democrata. Está a desbravar terreno.

Barack Obama (d) -> Todos lhe reconhecem a simpatia e a capacidade de retórica mas não lhe vêm substância para lá do apelo, empatia e jovialidade. Tem captado muito do eleitorado jovem e a surpresa poderá vir dos votos dos crónicos abstencionistas. Se ganhar as primeiras duas primárias é um feito histórico. Não é o primeiro negro candidato a candidato, mas caso seja o nomeado, fará historia e se uma forma não fracturante o que será realmente o facto politico na América do sec. XXI.

John Edwards (d) -> O extremista do Partido Democrata, radicalizou o seu discurso, após a derrota como parceiro de Kerry nas últimas eleições. É tido pela direita como extremista levado ao colo por sites de extrema esquerda e sem hipóteses na nomeação. Tem como alvo principal a Senadora de Nova Iorque e como sonho esbater a diferença entre a América Rica e a América Pobre.

Do lado democrata ainda há o Joe Biden que não me aquece nem me arrefece, o Bill Richardson que me parece ser o mais experiente em politica e relações internacionais, o Chris Dodd, o Mike Gravel que estando em último tem obviamente o discurso mais coerente e mais correcto de todos mas ninguém liga e o fantástico Dennis Kucinich que de fantástico tem a sua incrivelmente bonita mulher que faz sucesso em todos os debates.

Do lado do Grand Old Party temos:

Rudy Giuliani (r) -> Desistiu em 2000 de concorrer ao Senado. Foi mayor de Nova Iorque por duas vezes. Foi-o durante o ataque de 11 de Setembro. Capitalizou politicamente em torno disso. É atacado pela base conservadora do seu partido pelas suas posições no que toca ao controlo de armas, aborto e casamento gay. É criticado pelas suas opções pessoais no que toca aos vários casamentos. É criticado pela forma como gastou dinheiros publícos com as suas conquistas. É criticados por bombeiros, que são apelidados por serem de esquerda, no que toca à forma como decorreram os trabalhos de salvação no pós 11 de Setembro. Mas é o candidato para qual os conservadores se viram para ter a sensação de segurança; que é a que mais prezam. Estou muito curioso para ver o que lhe vai acontecer. Estrategicamente ignorou o Iowa e deixou o Mike Huckabee ganhar terreno ao seu principal concorrente Mitt Romney.

Mike Huckabee (r) -> Foi pastor. De almas, não de ovelhas ;) Era tido como um dos candidatos que vêm no fim e ninguém liga. Sem muito dinheiro nem uma grande logística. Escalou até ao topo. Foi o primeiro a ter tomates de desejar um Feliz Natal numa América cada vez mais presa ao politicamente correcto. Tem um discurso simples, conservador e quer abolir o IRS e instituir o equivalente ao IVA. As suas gaffes no que toca à politica externa podem-lhe custar as hipóteses que teria. Tem os valores cristãos e não tem vergonha de os afirmar. Representa o eleitorado fundamentalista. Mas com um pequeno rasgo de novidade. É o alvo preferido de Mitt Romney.

Mitt Romney (r) -> É, como diria Herman José, Hélder (Mórmon) o que lhe tem causado alguns dissabores. A sua religião nunca interferiu com a sua gestão do estado de Massachusetts, mas isso não impede de os seus rivais mais directos lançarem a confusão para os media com frases do tipo “ Não são os Mormons que dizem que o Diabo é Irmão de Jesus?”(Frase de Mike Huckabee após um debate na CNN em entrevista a uma revista se não me engano). É de longe o que tem gasto mais dinheiro na aposta Iowa e o que mais tem deslizado. Nada é seguro só saberemos depois de amanha. Fez um discurso sobre a sua religião que foi muito aguardo. A lembrar o discurso de JFK quando era ele o primeiro católico a candidatar-se à casa Branca. Eu ouvi o discurso ao vivo. Não teve tomates para assumir a sua religião, e inseriu-a no Cristianismo, o que está em grande debate e grande luta na América nomeadamente entre os Mormons e os Evangélicos.

John McCain (r) -> Deveria ter sido ele há 8 anos atrás e não o Bush. O mundo teria sido diferente. Gastou o dinheiro todo no inicio da campanha. Sem resultados, despediu toda a gente. Neste último mês tem vindo a subir. Talvez pelos bons resultados que ele previu que iriam acontecer no Iraque e que estão a acontecer após o surge. Tem contra si a idade e algumas posições divergente do núcleo duro conservador do partido. Vamos ver o que lhe acontece na Quinta.

Fred Thompson (r) -> Este vai para a história como o candidato que antes de o ser já tinha montes de apoio e montes de hype em sua volta. Ex actor, já era tido como o novo Reagan. Quando entrou na campanha revelou-se um grande zero. A muito custo está a subir pé ante pé...

Ron Paul (r) -> O meu preferido! Preferido por gerar um fru fru em sua volta que é demais. A maior parte dos seus apoiantes gosta das suas posições sobre a constituição, impostos e sobre o estado em geral. Eu nunca entendi muito bem as suas posições. A maior parte dos programas políticos de rádio na América é dominada pela direita e eles não gostam nada deste senhor. E uma franja dos seus apoiantes irrompem por entre programas com slogans do tipo “9/11 was an inside Job!”. Encontrei isto ontem ;) http://portugal4ronpaul.blogspot.com/

Restam o Duncan Hunter e o Tom Tancredo. Sendo que este último já desistiu :)

Ufa que isto já vai longo. Mas deliro mesmo com isto :)
Urbanamente::
urbanizado por jfd às 14:31
link do post | comentar | favorito
|

.Urbano

.pesquisar

 

.Abril 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.urbanidades recentes

. Sodade

. Dançando com os Dragões

. factor X

. D'aqui para a frente

. Eleições

. Tv?

. Humildade e Fé emocionant...

. Respeito!

. De Braços Abertos!

. Parabéns!

.urbanidades arquivadas

. Abril 2014

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Julho 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Março 2012

. Janeiro 2012

. Outubro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Março 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

. Janeiro 2004

. Dezembro 2003

. Novembro 2003

.tags

. todas as tags

.favoritos

. Coisas simples

blogs SAPO

.subscrever feeds